quarta-feira, 10 de julho de 2013

Dicionário Saúde e Fisioterapia

ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ

F


Fabela osso sesamóide localizado no músculo gastrocnémio; nas radiografias, ele é, às vezes, confundido com um fragmento ósseo ou um corpo estranho.
Fabulação simulação de sintomas ou enfermidades; expressão de manifestações exageradas como se fossem verdadeiras.
Facies aparência externa ou expressão da face. Importante nos exames clínicos objetivos.
Facilitação promoção da capacidade de iniciar uma resposta motora através de um aumento da atividade neuronal.
Facilitação bilateral ativação simultânea de dois membros que causa um aumento na força de contração voluntária máxima de cada membro.
Facilitação neuromuscular proprioceptiva (PNF) facilitação = promoção ou precipitação de qualquer processo natural; neuromuscular = nervos e músculos; proprioceptiva = recepção de estímulos pelos tecidos do corpo. PNF é uma técnica de reeducação neuromuscular, idealizada pelo médico Hermann Kabat e pela fisioterapeuta Margaret Knot, que utiliza exercícios em diagonal e espiral, com o objetivo de promover ou precipitar a reação do mecanismo neuromuscular através da estimulação dos proprioceptores.
-->
Faciobraquial relativo, ao mesmo tempo, à face e ao braço.
Faciocervical relativo, simultaneamente, à face e ao pescoço.
Facioplegia paralisia facial; o mesmo que prosopoplegia (ou prosoplegia).
Faco forma prefixa relacionada ao cristalino (Oftalmologia).
Facocele hérnia do cristalino.
Facometacorese deslocamento do cristalino, tanto completa como parcial.
FAD abreviatura de dinucleótido de flavina e adenina; do inglês, flavin adenine dinucleotide.
Fadiga sensação de esgotamento com diminuição da eficácia consequente a exercício físico ou mental intenso; astenia.
Fadiga geral resposta diminuída de uma pessoa durante a atividade física prolongada, tal como andar, que pode ser devida a diminuição no açúcar do sangue (glicose), redução nas reservas de glicogénio no músculo e fígado, ou depleção de potássio, especialmente no idoso.
Fadiga local (muscular) resposta reduzida do músculo que pode ser devida a diminuição nas reservas energéticas, oxigénio insuficiente, e acumulação de ácido lático; influências protetoras do sistema nervoso central, ou redução na condução de impulsos na junção mioneural.
Fadiga muscular classe de efeitos agudos que comprometem o desempenho.
Fago- forma prefixa que significa come, devora ou destrói; p. ex., fagocitose.
Fagócito qualquer célula que ingere bactérias, partículas ou corpos estranhos ou outras células; costuma referir-se a leucócitos circulantes e às células do sistema mononuclear fagocitico.
Fagosoma combinação de uma vesícula fagocitária e um lisossoma; forma-se quando uma célula ingere uma partícula mediante a invaginação de sua membrana citoplasmática (plasmalema) e se une a um lisossoma durante o processo da fagocitose.
Fahrenheit (F) escala de temperatura em que o ponto de congelação da água se situa a 32 graus Celsius e o ponto de ebulição, a 212 graus da mesma escala, em condições normais de pressão.
Falangectomia amputação de um dedo, de uma ou mais falanges de um dedo.
-->
Falanges cada um dos ossos de cada segmento dos dedos da mão e do pé.
Falangização após a amputação do polegar, técnica de libertação do primeiro metacarpal de modo a torná-lo móvel, para substituir o polegar nos movimentos de preensão em pinça.
Falciforme células sanguíneas em forma de foice.
Falectomia amputação do pénis.
Faringodinia dor da faringe; chamada faringalgia.
Faringoespasmo também chamado faringismo; contração (espasmo) involuntária e brusca dos músculos da faringe.
Faringoestenose constrição da faringe.
Faringoplegia paralisia dos músculos da faringe.
Farmacodiagnose utilização de fármacos no diagnóstico das condições clínicas.
Farmacodinamia estudo dos efeitos dos fármacos em animais sadios; também chamada farmacocinética.
Farmacognosia ramo da farmacologia que se encarrega do estudo das substâncias medicamentosas em seu estado natural, sem preparação alguma.
Farmacopedia conhecimento total dos fármacos naturais e dos preparados medicamentosos.
Fasciculações potenciais espontâneos observados nos casos de irritação ou degeneração das células do corno anterior, compressão da raiz nervosa, e espasmos musculares ou cãibras.
Fasciite plantar condição inflamatória da fáscia plantar no médio pé ou na sua inserção na tuberosidade medial do calcâneo que envolve micro-lacerações ou ruptura parcial das fibras fasciais.
Fascioplastia cirurgia reparadora das aponeuroses.
Fasciotomia incisão cirúrgica de uma aponeurose para a liberação de alguma fáscia.
Fase associativa da aprendizagem motora fase média da aprendizagem, em que o aperfeiçoamento do programa motor é alcançado através da prática.
Fase de apoio parte da marcha em que um membro está em contato com o solo. Esta fase divide-se nos seguintes segmentos: contato do calcanhar, contato plantar, apoio médio, retirada do calcanhar e retirada dos dedos.
Fase de balanço fase da marcha durante a qual um dos pés está fora do solo. A duração do balanço deve ser medida separadamente, para os membros direito e esquerdo.
Fastígio 1. pico ou ponto mais alto do teto do quarto ventrículo cerebral; 2. pico máximo de febre em qualquer estado agudo.
Fator reumatóide imunoglobulina encontrada no sangue de uma elevada percentagem de adultos com artrite reumatóide; pode ser descrito como soro-negativo ou soro-positivo.
Favéolo pequena depressão.
Favismo anemia hemolítica aguda causada pela ingestão de fungos venenosos ou pólen da flor correspondente; observa-se em indivíduos de origem mediterrânea cujos eritrócitos são deficientes na enzima glicose-6-fosfato desidrogenase; nem todos os indivíduos com deficiência desta enzima são susceptíveis.
Favo (Favus) infecção crónica por fungos, geralmente localizada no couro cabeludo, causada pelo Trichophyton schoenleinii; conhecida como dermatofitose.



ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ



Sem comentários:

Publicar um comentário