quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Dicionário Saúde e Fisioterapia

ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ



A


Artrocentese punção do conteúdo intra-articular.
Artrocinemática movimento das superfícies articulares em relação à direção do movimento da extremidade distal do osso.
Artrodese 1. fusão cirúrgica das superfícies ósseas de uma articulação com fixação interna com pinos, parafusos, placas e/ou enxertos ósseos; feita geralmente em casos de dor articular grave e instabilidade, em que a mobilidade da articulação não é primordial; 2. intervenção cirúrgica que consiste em bloquear definitivamente uma articulação.
-->
Artrófito excrescência patológica, óssea ou cartilaginosa, numa articulação, que pode desprender-se e movimentar-se livremente.
Artrografia exame de imagem no qual é injetado na articulação um líquido radiopaco e/ou ar; em seguida, são feitas radiografias seriadas em diferentes ângulos.
-->
Artrogripose chamada também de Artrogryposis multiplex congênita; é uma síndrome caracterizada por contraturas e deformidades articulares múltiplas, presentes ao nascimento. Há ausência de alguns músculos e rigidez articular.
Artropatia toda lesão articular de origem nervosa ou endócrina (p. ex., artropatia diabética).
Artroplastia 1. qualquer procedimento articular reconstrutivo com ou sem implante articular elaborado para aliviar a dor e/ou restaurar a mobilidade articular; 2. intervenção cirúrgica destinada a refazer as superfícies articulares e restabelecer seu uso; pode, ou não, envolver substituição por prótese.
Artroscopia 1. exame das estruturas internas de uma articulação por meio de um aparelho cirúrgico de visualização inserido na articulação; 2. exame do interior de uma cavidade articular com o auxílio de um aparelho especial, o artroscópio.
Artrose afeção que atinge principalmente a cartilagem hialina e o osso subcondral.
Asbestose fibrose pulmonar decorrente da inalação prolongada de fibras de amianto, também conhecida como asbesto; faz parte de um grupo de doenças ocupacionais chamado pneumoconiose.
Ascite acúmulo de líquido seroso livre, em quantidade apreciável clinicamente, na cavidade abdominal, observado algumas vezes em decorrência de cirrose hepática, enfermidade renal, cancro da cavidade do abdómen, e insuficiência cardíaca congestiva grave; conhecido também como hidropisia abdominal, e popularmente como barriga-d’água.
Asfixia condição em que o corpo tem muito pouco oxigênio e muito dióxido de carbono, levando à perda de consciência ou ao óbito.
Asma doença pulmonar obstrutiva vista em pacientes jovens, associada com hipersensibilidade a alérgenos específicos e resultando em broncospasmo e dificuldade para respirar.
Aspeto de asa de borboleta diz-se de um sinal clínico que aparece na região do terço médio da face, simétrico, que denota a condição de lúpus eritematoso sistêmico, uma doença autoimune.
Aspiração nasal aspiração, por meio de uma sonda flexível ou cateter, de secreções nasais ou sangue ou corpos estranhos sólidos de pequenas dimensões introduzidos inadvertidamente na cavidade nasal.
Aspiração traqueal aspiração, por meio de uma sonda acoplada a um aspirador, das secreções traqueais e pulmonares ou de pequenos corpos estranhos.
Assimetria dos membros tanto para superiores quanto para inferiores, sendo determinada pela diferença do comprimento destes.
Assimétrico um lado do corpo é diferente do outro.
Assinclitismo em obstetrícia, é um termo empregue quando a cabeça fetal não se posiciona exatamente no promontório do sacro e da sínfise do púbis, mas fica flexionada para diante, próximo à sínfise, ou para trás, próximo ao promontório, com o plano occipitofrontal oblíquo a qualquer plano pélvico materno; antigamente, conhecido como obliquidade.
Assinclitismo anterior— deflexão posterior da cabeça fetal;
Assinclitismo posterior — deposição anterior da cabeça fetal.
Assinergia perda da capacidade de associar músculos em conjunto, para a execução de movimentos complexos.
Assistolia ausência de contrações musculares cardíacas.
Astenia perda de força, debilidade. A astenia neuro circulatória, por exemplo, é um estado mórbido caracterizado por hipopnéia, palpitações, dor torácica, vertigem e fadiga, com ausência de patologia cardíaca orgânica.
Astereognosia 1. incapacidade de reconhecer objetos pelo seu manuseio, embora possam estar intactas as sensações propriocetivas táteis e térmicas. O mesmo que estereognosia; 2. falta de reconhecimento dos objetos ou da apreciação da sua forma pelo tato (sin.: agnosia tátil).
Asterixis movimento de tremor, que se observa melhor com as mãos estendidas para a frente, revelador de algumas patologias metabólicas, especialmente o coma hepático; conhecido também como flapping.
Ataque isquémico transitório (AIT) interferência temporária com a irrigação sanguínea ao cérebro. Os sintomas de deficiência neurológica podem prolongar-se por apenas alguns minutos, ou por diversas horas. Após o ataque, nenhuma evidência de lesão cerebral residual permanecerá.
Ataxia 1. perda da capacidade de coordenar os movimentos musculares, caracterizada por base de apoio larga, tremores e má coordenação; 2. falta de equilíbrio que se caracteriza por movimentos “aos arranques”; 3. termo geral usado na descrição do movimento descoordenado que pode influenciar a marcha, a postura e os padrões dos movimentos. Falta de coordenação muscular. Por exemplo, uma ataxia cerebelar é uma ataxia consequente a uma lesão do cerebelo.
Ataxia de Friedreich, ataxia hereditária — condição clínica hereditária que se manifesta em crianças e se caracteriza por degeneração das colunas lateral e dorsal da medula espinhal, ataxia progressiva, nistagmo, e ausência ou diminuição dos reflexos tendinosos e profundos;
Ataxia vasomotora — alteração dos centros vasomotores que origina espasmo dos vasos sanguíneos de pequeno calibre.

Anterior   |   Seguinte

ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ

Sem comentários:

Publicar um comentário