quarta-feira, 24 de abril de 2013

Dicionário Saúde e Fisioterapia

ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ

C


Cabos cabos condutores isolados que transmitem um impulso elétrico gerado pelos eletrodos, para a aparelhos de eletroterapia.
Cadeia cinética aberta exercício terapêutico no qual o segmento terminal/distal não está fixo durante o movimento.
Cadeia cinética fechada exercício terapêutico no qual o segmento terminal/distal permanece fixo durante todo o movimento.
Cadeia leve proteína com baixo peso molecular.
Cadeia pesada proteína com alto peso molecular.
Cadeias musculares conjunto de feixes musculares (músculos) que atuam de maneira conjunta através de segmentos corporais distintos com localização proximal ou adjacente, onde um tem interferência direta sobre a atuação do outro; grupo de músculos organizados sinergicamente para uma determinada função motora.
Cadeira de rodas dispositivo móvel, portátil ou não, dobrável, com uma plataforma horizontal ou assento, uma transversal e vertical ou espaldar, dotada de duas rodas com dispositivos circulares concêntricos que auxiliam o usuário a movimentá-las com as mãos. Existem cadeiras de rodas motorizadas.
Cadeira sanitária equipamento para posicionamento usado para higiene pessoal. A cadeira sanitária pode ser utilizada sobre sanita ou no duche ou, ainda, com o sanitário removível.
-->
Cadência número de passos por unidade de tempo; pode ser medida em centímetros, como o número de passos por segundo (cadência = número de passos/tempo). Um método simples de medir a cadência consiste em contar o número de passos dados pelo paciente num determinado período de tempo. Os únicos equipamentos necessários são: cronómetro, papel e lápis.
Cãibra muscular encurtamento involuntário doloroso do músculo que parece ser desencadeado por estímulos periféricos
Calcaneíte inflamação do calcâneo.
Calcanhar acolchoado e tornozelo sólido (SACH) pé protético em que a porção póstero-superior da "base" está ligada ao encaixe, sem uma articulação do tornozelo definida, e com uma cunha póstero-inferior compressível que permite a flexão plantar durante o início da fase de apoio.
Calcificante,Tendinite tendinopatia não-degenerativa de etiologia desconhecida, com formação de calcificação da coifa dos rotadores.
Calcicose doença pulmonar (um tipo de pneumoconiose) causada pela inalação prolongada de pó de cal; também conhecida como pulmão dos marmoristas.
Calcificação 1. Acumulação excessiva de cálcio nos tecidos ósseo ou dental, contribuindo assim para o seu endurecimento; 2. endurecimento patológico dos tecidos somáticos causado pela deposição de sais de cálcio dentro da sua estrutura.
Calcinose depósito de sais de cálcio na pele e no tecido subcutâneo, observado em casos de hiperatividade das glândulas paratiróides.
Calcitonina, tirocalcitonina hormona da glândula tireóide que regula o metabolismo do cálcio; é excretada em resposta ao alto nível de cálcio sérico e atua descendo o nível mediante a inibição da reabsorção óssea.
-->
Cálculo formação anómala composta normalmente por sais minerais e formada quase sempre nas cavidades do organismo que servem como reservatórios de líquidos, como rins, bexiga, vesícula biliar etc.; também chamado pedra, p. ex.: pedra renal.
Caliectasia distensão da pélvis e do cálice renais.
Caliopenia deficiência de potássio no corpo.
Caliurese excreção aumentada de potássio na urina. Também chamada calurese ou kalurese.
Calkins, Sinal de em Obstetrícia, alterações de forma do útero durante o parto, passando da forma discóide à ovoide; ocorre por causa da separação da placenta da parede do útero.
Calo 1. espessamento circunscrito da pele; 2. substância dura, similar ao osso que se forma entre os fragmentos de um osso fraturado e que leva eventualmente à reparação da fratura.
Calo ósseo junção de duas ou mais extremidades ósseas fraturadas.
Calo vicioso calo que fixa os fragmentos de um osso fraturado numa posição funcionalmente desfavorável em consequência de um tratamento mal conduzido ou na ausência de um tratamento adequado.
Calor por condução (Calor conditivo) aquele que se transfere de um corpo mais quente para outro menos quente, por contato direto de suas superfícies, até haver o equilíbrio térmico entre as duas partes.
Calor por convecção (Calor convectivo) aquele que atravessa um meio quente, como ar ou água, em movimento, a partir de sua fonte geradora.
Calor por conversão (Calor conversivo) aquele que se desenvolve no corpo a partir de ondas que não são quentes na fonte, como nos raios infra-vermelho.
Calor radiante aquele que se espalha em todas as direções a partir de um ponto com temperatura mais elevada em relação ao meio através do qual se propaga.
Câmara anterior do olho espaço compreendido entre a córnea e a íris; está cheio de humor aquoso.
Câmara hiperbárica compartimento em que a pressão do ar pode elevar-se acima da pressão atmosférica normal.
Câmara pulpar espaço interno de um dente ocupado pela polpa dental; especialmente, área pulpar no interior da coroa do dente, que é mais alargada, e onde se abrem os condutos radiculares.
Câmara vítrea cavidade do bulbo do olho situada atrás do cristalino e ocupada pelo humor vítreo.
Caminhada modo de locomoção humana em que pelo menos um pé está sempre em contato com o solo.
Campo eletromagnético espaço em torno de um íman no qual se regista a sua força eletromagnética.
Camptodactilia contratura congénita em flexão da articulação interfalângica proximal do dedo mínimo. Frequentemente, é bilateral e hereditária.
Canais de Lambert comunicação entre alvéolos e bronquíolos respiratórios.
Canceloso designa a estrutura esponjosa ou em favo de mel de certos tecidos ósseos, como a extremidade dos ossos longos.
Cancro denominação geral dos tumores malignos ou neoplasias anaplásicas.
Cancro do pulmão proliferação anormal e sem limites das células anaplásicas (células com mutações no núcleo) originárias dos pulmões, levando ao aparecimento de massas tumorais no parênquima pulmonar ou na árvore brônquica.
Cancerígeno 1. qualquer agente causador de cancro; 2. qualquer coisa ou substância ou circunstância que leva ao aparecimento de cancro.
Cancróide 1. alteração somática ou lesão parecida com cancro; 2. tumor de malignidade moderada, como os carcinomas baso-celulares.
Cancrum úlcera que se espalha rapidamente, aparecendo com mais frequência na boca e na região que circunscreve o nariz.





ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXYZ

Sem comentários:

Publicar um comentário