sábado, 6 de outubro de 2012

Gota


A Gota é uma doença que resulta da acumulação de ácido úrico nos tecidos, provocando ataques de inflamação dolorosa de uma articulação, frequentemente o dedo grande do pé.
Os ataques de gota são causados por depósitos de ácido úrico cristalizado na articulação.
Normalmente o ácido úrico está presente no sangue e é eliminado na urina, mas em pessoas que têm gota, o ácido úrico acumula-se e cristaliza-se nas articulações. Algumas pessoas desenvolvem a gota porque os seus rins têm dificuldade de eliminar quantidades normais de ácido úrico, enquanto outros simplesmente produzem ácido úrico em excesso.
A gota ocorre mais comummente no dedo grande do pé, porque o ácido úrico é sensível a mudanças de temperatura. A temperaturas mais baixas, o ácido úrico transforma-se em cristais. Como o dedo do pé é a parte do corpo que está mais distante do coração, é também a parte do corpo mais fria e, portanto, o alvo mais provável de gota. No entanto, a gota pode afectar qualquer articulação do corpo.
A tendência a acumular cristais de ácido úrico é muitas vezes herdada. Outros factores que colocar uma pessoa em risco de desenvolver gota incluem:
  • Pressão arterial elevada
  • Diabetes
  • Obesidade
  • Quimioterapia
  • Stress
  • Abuso de substâncias, como o álcool, entre outras
  • Alimentação rica em carnes vermelhas, marisco, vinho tinto e cerveja
  • A capacidade do corpo para eliminar o ácido úrico também pode ser negativamente afectada por estar a tomar aspirina, alguns medicamentos diuréticos, e a vitamina B3 (também chamada de ácido nicotínico).

Embora a Gota seja mais comum em homens entre os 40-60 anos, esta pode ocorrer em homens mais jovens, bem como em mulheres.
-->

Sinais e sintomas/ Diagnóstico

Um ataque de gota pode ser extremamente doloroso, sendo marcado pelos seguintes sintomas:
Dor intensa que surge de repente - muitas vezes a meio da noite ou ao levantar
Sinais de inflamação, como vermelhidão, inchaço e calor sobre a articulação, geralmente a do dedo grande do pé
Para diagnosticar a gota, é necessário recolher uma história clínica pessoal e familiar, seguida de um exame da articulação afectada. Exames laboratoriais e raio-X são por vezes pedidos para determinar se a inflamação é causada por algum outro tipo de artrite que não seja a gota.
-->

Tratamento

                No imediato deve:
  • Elevar o membro afectado (geralmente uma perna) para ajudar a reduzir o inchaço.
  • Aplicar gelo por períodos nunca superiores a 20 minutos, e utilizando uma toalha entre o gelo e a pele, de forma a evitar queimaduras. Certifique-se que a temperatura da parte afectada voltou ao normal antes de aplicar gelo novamente.
  • Analgésicos e/ou anti-inflamatórios fácil e rapidamente resolvem a maioria dos ataques de gota (dentro de 12-24 horas). Existem vários tipos e marcas, como o diclofenaco, indometacina, e naproxeno. O seu médico deverá prescrever um adequado à sua condição de saúde.

Medidas que pode adoptar para prevenir novos ataques de gota:
  • Se tem peso a mais, deve tentar perder algum peso. Isso pode ajudar a diminuir o nível de ácido úrico.
  • Comer de forma sensata. A nível de ácido úrico elevado pode ser reduzido, evitando uma alta ingestão de proteínas e alimentos ricos em purinas, como fígado, rins e frutos do mar. Além disso, evite comer alimentos ricos em extractos de levedura.
  • É importante diminuir substancialmente o consumo de álcool e de refrigerantes açucarados.
  • Beber bastante água (até dois litros por dia, a menos que exista indicação médica em contrário).
  • Manter a pressão arterial controlada. Pressão arterial alta é mais comum em pessoas com gota.
  • Um estudo publicado em 2009 mostrou que a vitamina C pode reduzir o risco de gota. No estudo, 46.994 homens foram acompanhados durante vários anos. Aqueles cujo consumo foi de 1.5 mg por dia tinham um risco 45% menor de gota.

O alopurinol é um medicamento comummente utilizado para prevenir ataques de gota. Este não tem qualquer efeito durante um ataque de gota, e não é um analgésico. Funciona através da redução do nível de ácido úrico no sangue e demora 2-3 meses para se tornar plenamente eficaz.
O alopurinol pode ser aconselhado pelo seu médico se você:
  • Tiver tido dois ou mais ataques de gota em um ano.
  • Tiver alguma lesão articular ou nos rins devido a gota.
  • Tiver uma ou mais pedras nos rins devido à deposição de cristais de ácido úrico.
  • Tomar medicação a longo prazo que tenha contribuído para um ataque de gota

Muitas vezes acontece um ataque de gota nos primeiros tempos que estiver a tomar alopurinol. Isto é porque ele pode fazer com que o nível de ácido úrico suba um pouco antes de cair. Por este motivo, não é normalmente iniciado durante um ataque de gota. É melhor iniciá-lo cerca de 3-4 semanas após os sintomas estarem resolvidos.

Exercícios terapêuticos para a Gota

Os seguintes exercícios são geralmente prescritos durante o tratamento da Gota, numa fase em que não se verifique processo inflamatório. Deverão ser realizados 2 a 3 vezes por dia e apenas na condição de não causarem ou aumentarem os sintomas.



Caminhar
Mantenha uma rotina de caminhar pelo menos 20 a 30 minutos por dia. Tenha sempre atenção à sua postura e evite alterações no ritmo da marcha a não ser que sinta sintomas de cansaço. Evite terrenos irregulares.

-->

Sem comentários:

Publicar um comentário